,

Hotel Review: One Alwych London por Danielly Meier

A Danielly voltou há poucas semanas de sua última viagem a Londres com a família. Ela  conta no Londres com Crianças o que achou do hotel que se hospedou desta vez. Obrigada, Danielly !

***

Ainda na época escolar tinha uma vontade imensa de conhecer Londres. Durante a faculdade de Letras a minha curiosidade somente aumentou e alimentou a minha certeza de que assim que obtivesse a graduação, visitaria a cidade que sempre me fascinou. E o sonho se realizou. Morei em Oxford em 1996, mas ia praticamente todos os finais de semana para Londres. Estou na Suíça há 14 anos e a proximidade da capital inglesa apenas facilita as minhas regulares visitas. Hoje não sei dizer quantas vezes já fui até lá, apenas posso garantir que nenhuma dessas dezenas de vezes foi igual. Nunca me arrependo de ir à Londres e assim que chego em casa já começo a planejar a próxima visita.

Na última viagem, no final de dezembro de 2014, além do meu marido e filho, fui com a minha mãe que veio do Brasil nos visitar. Gosto de me hospedar na área central de Londres, normalmente fico por Piccadilly, Leicester Square ou Knightsbridge mas desta vez como já tinha comprado ingresso para assistir ao musical “The Lion King ” no “Lyceum Theatre”, a ideia foi ficar em Covent Garden. O hotel One Aldwych é membro da organização que costumamos usar para as nossas viagens, a Leading Hotels of the World, e se localiza praticamente em frente ao teatro. Ali estava a oportunidade de experimentar um hotel que ainda não conhecia.

Hotel Review: One Alwych London por Danielly Meier

Vista privilegiada – Hotel Review: One Alwych London por Danielly Meier

Em termos de localização, o One Aldwych é privilegiado – muito próximo de teatros, estações de underground (Charing Cross , Covent Garden, Holborn e Temple) e ônibus (9 estações na distância de 5 minutos a pé sendo que o ponto de Aldwych fica na porta do hotel ), pubs, e, claro, do mercado de Covent Garden, que sem dúvida é um grande ponto turístico da cidade, hoje ainda mais popularizado após a publicação de James Bowen no seu bestseller “ A Street Cat Named Bob”, traduzido em várias línguas, inclusive em português sob o título “ A Minha História com Bob” , onde o autor descreve como era a sua vida de músico de rua neste distrito de Londres.

Em frente ao hotel a estação Aldwych – ponto de parada para ônibus regulares e também dos famosos ônibus turísticos de Londres onde os passageiros podem subir e descer quando quiserem. Passagens para esses últimos podem ser adquiridas ali mesmo uma vez que vendedores de tais bilhetes ficam nesse ponto também.

A Danielly e sua mãe Cleide no restaurante Indigo com vista para o Lobby bar

A Danielly e sua mãe Cleide no restaurante Indigo com vista para o Lobby bar

O café da manhã não é oferecido em forma de buffet, mas servido à mesa no restaurante Indigo (também aberto para almoço e jantar). O cardápio é variado e dividido em grupos. Nós tínhamos o “continental breakfast” incluído e ele não deixa a desejar. Servido com frutas frescas e variadas, uma mini cesta de massas folhadas que inclui croissants e muitas outras delícias tais como muffins e torradas que podem sempre ser repostas a medida de necessidade, também são servidos sucos, água, cafés e chás. Nas outras opções, café da manhã rico em fibras, English or Vegetarian English Breakfast”, café “Number One” e outras alternativas de pedidos à la carte. Também é possível escolher itens individuais e pagar separadamente. Nós, por exemplo, pedimos ovos apesar deles não fazerem parte do café continental. E em outras manhãs meu marido optou pelo English Breakfast e a diferença foi cobrada na conta.

Roland com a sogra no restaurante Indigo

Roland com a sogra no restaurante Indigo

“Axis at One Aldwych ” é também um restaurante do hotel aberto para janta e refeições pré e pós apresentações teatrais. Não tivemos a oportunidade de visitá-lo porque estava fechado para melhorias, mas crianças são aceitas e há opção de refeições infantis no cardápio.

Hotel Review: One Alwych London por Danielly Meier

Hotel Review: One Alwych London por Danielly Meier

O que utilizamos com frequência foi o “ room service”, que é excelente e funciona 24 horas por dia. As poucas opções no cardápio são definitivamente um porém – Todavia, a comida é de qualidade e o jantar sempre nos foi servido dentro dos 30 minutos solicitados. (“kids menu” disponível).

Adrian curtindo o mocktail de framboesa

Adrian curtindo o mocktail de framboesa

O “Lobby Bar” é bem frequentado e crianças são extremamente bem-vindas. Meu filho tomou um chocolate quente caprichadíssimo e até ganhou algodão doce de canela numa tarde e em outro dia tomou um mocktail delicioso de framboesa. Sem falar do atendimento muito atencioso para com o Adrian.

Adrian aproveitando o algodão doce de canela no Lobby Bar

Adrian aproveitando o algodão doce de canela no Lobby Bar

Na nossa diária estava incluído um Afternoon Tea, mas como já tínhamos uma reserva em outro hotel para o mesmo tipo de atividade, não experimentamos. Confesso que fiquei curiosa especialmente por aceitarem crianças e oferecerem um Afternon Tea tematizado e inspirado por uma história que adoro: “Charlie and the Chocolate Factory”. O hotel One Aldwych é o “official partner” desse musical que se apresenta no “Theatre Royal Drury Lane” em Covent Garden.

Hotel Review: One Alwych London por Danielly Meier

Hotel Review: One Alwych London por Danielly Meier

Os apartamentos são arrumados duas vezes por dia. Flores e frutas são colocadas diariamente nos quartos e tanto as camas quanto os travesseiros ficam no topo da minha lista. As camas são extremamente confortáveis e os travesseiros maravilhosos. Lembrando que como éramos 3 adultos e uma criança, nos hospedamos em dois quartos de categorias distintas: 1 studio suite e 1 quarto executivo. Nas duas acomodações esses foram indiscutivelmente os pontes fortes.

A nossa suíte (studio suite) tem aproximadamente 50m2, e uma arquitetura especial , pois o quarto é circular, o que significa várias janelas com vistas diferentes. Uma delas, a ponte de Waterloo e a outra a badalada rua Strand. Para o meu filho foi colocada uma cama extra ao lado da cama king-size do casal. Cofre, frigobar, máquina de Nespresso e até mesmo um console de Wii fazem parte do quarto que é bastante amplo e confortável e mesmo quando minha mãe vinha nos “visitar” e jantar conosco não tivemos em nenhum momento a impressão de estar esprimidos, o que não era o caso do box do chuveiro. Infelizmente, esse quesito deixa a desejar, o espaço para tomar banho é realmente pequeno (no box), mas por outro lado a banheira é grande. Meu filho aproveitou com prazer seus longos banhos de banheira.

Outro aspecto negativo é a disposição de alguns quartos, cujas paredes ficam coladas com o banheiro do quarto vizinho possibilitando ouvir claramente o quarto ao lado dando a descarga no toalete. Esse é, no entanto, um problema conhecido do hotel – no check out, quando comentamos a respeito, o gerente veio pessoalmente se desculpar e dizer que estão trabalhando por etapas para solucionar tal problema. A explicação foi a seguinte: eles utilizam um sistema muito interessante de sucção da água do toalete e chegam a economizar 70% de água quando a descarga é puxada – o senão desse sistema, principalmente para os quartos com paredes juntas a banheiros vizinhos, é a questão do barulho, que lembra aquele som forte dos banheiros de avião e realmente pode ser bem perturbador e inconveniente.

Toda a familia pronta para ir ao spa

Toda a familia pronta para ir ao spa

Spa, sauna, piscina e uma academia de ginástica estão também à disposição dos hóspedes. Crianças são bem-vindas na piscina sem restrição de horário (um roupão tamanho infantil delicadamente estendindo sob a cama extra juntamente com mini pantufas para os hóspedes mirins ) Já a sauna tem restrição de idade podendo ser utilizada apenas por pessoas acima dos 14 anos. Não visitamos a academia de ginástica.

Quanto à internet, posso afirmar com certeza que é uma das melhores que já usei em hotéis em Londres e mundo afora. Além de acesso fácil, ela é eficientemente rápida e potente.

Danielly e Adrian na piscina

Danielly e Adrian na piscina

A minha impressão geral do hotel é boa especialmente pela sua localização e serviços. Os únicos quesitos que ao meu ponto de vista ficam aquém das expectativas de um hotel do porte do One Aldwych é o ruído do banheiro vizinho (provavelmente não será mais uma pendência nos próximos anos) e o tamanho do box do banheiro, que não é um problema facilmente solucionável. Contudo, nada que possa estragar uma estadia. Eu, particularmente, não deixaria de retornar ao hotel por causa desses tropeços…

* Danielly Meier, 40 anos, pós graduada em inglês, professora, casada há 14 anos com o Roland e mãe do Adrian (6 anos).

Dicas Londres com crianças: Review Hotéis e apartamentos em Londres clica aqui

One Alwych London

WC2B 4BZ

Carol Pascual

Carol Pascual

Working mum, full time mum pois não deixo de ser mãe quando vou trabalhar, gaúcha, londoner por opção, amo viagens, comprinhas, programas bacanas com ou sem crianças e adoro dividir dicas de Londres com Crianças
Carol Pascual

Latest posts by Carol Pascual (see all)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *